sexta-feira, 27 de maio de 2011

Dear God

Eu sei que tu nos fizeste à tua imagem e semelhança, pelo menos segundo o que me ensinaram na catequese, e que por isso é suposto sermos perfeitos e uma máquina maravilhosa e bla bla bla...mas não somos...porque até hoje ainda não percebi qual foi a ideia de mudarmos a dentição aos 6 anos, quando temos os dentes alvos e viçosos. Caramba, o único doce permitido lá em casa para além da fruta era marmelada caseira no pão integral, nem açúcar a minha mãe me deixava pôr no iogurte natural da vigor, se o queria adoçar tinha de ser com bolacha Cream Cracker,tomava todos os dias aqueles comprimidinhos de flúor e tudo... custou, claro que custou ver os meus dentinhos perfeitos a partir para dentro de uma caixinha de cotonetes, onde o meu pai os foi guardando religiosamente.
E agora, que tenho 33, começo a partir dentes enquanto como uma torrada (tudo bem que estava desvitalizado, mas se estava desvitalizado é porque também já não estava bom, certo?).
E não me venhas com a conversa que quando nos criaste a nossa esperança média de vida era de 40 anos, porque se com a evolução já perdemos os sisos (eu pelo menos já só tinha 1 para nascer), os nossos mindinhos vão diminuindo e os polegares aumentando, também já podias ter tratado de ir atrasando a mudança da dentição, não?

4 comentários:

Costinhas disse...

subscrito, assinado por baixo e apoiado! :p

Patrícia disse...

Também subscrevo! Tudinho!!!
Os meus, já foram 3! Fora os que cai a massa...
A d€ntista adora-m€ e à minha cart€ira...

Bjs

Os Nossos Dias... disse...

Acredita..cada vez q vou ao DEntista asssim q pago só me vem isto á cabeça...Filh. da P...

Inês Espirito Santo disse...

nao me fales em DENTES..C(/&%$.. F/&%$##.. M)(/%&$#/.. pronto.. tou mto melhor..sem dentes na mesma.. mas melhor.. desabafei..